Sem categoria

TDC 2011 Goiânia: Trilha .NET – Evolução da linguagem de programação C#

Minha primeira palestra no TDC 2011 Goiânia

No dia 29/10/2011, das 10h10min às 11h, eu apresentei a palestra Evolução da linguagem de programação C# na Trilha .NET do evento TDC 2011 Goiânia. O The Developers Conference (TDC) é um evento com várias trilhas de temas específicos em cada dia do evento mais a trilha Stadium que é uma seleção de palestras das demais trilhas do dia. O evento é uma iniciativa da Globalcode.

Apresentação teórica

Nesta palestra, eu apresentei uma visão geral da evolução da linguagem de programação C# desde o lançamento da versão 1.0, em fevereiro de 2002, até a versão 4, em março de 2010.

Depois, eu também apresentei a principal novidade da linguagem C# 5: suporte direto da linguagem à programação assíncrona. Este novo recurso permite que o desenvolvedor realize programação assíncrona de modo similar à programação síncrona. Além disto, eu também comentei sobre as principais novidades esperadas para a versão posterior (C# 6?), que atualmente é conhecida pelo nome de projeto Roslyn.

Abaixo, seguem os tópicos que foram abordados de cada versão da linguagem C#.

Linguagem C# 1.0

  • A evolução da linguagem C#
    Cronograma dos lançamentos das versões da linguagem C#.
  • Sistema de tipos
    Tipos por valor, tipos por referência e sistema unificado de tipos.
  • Memória e instruções
    Gerenciamento automático de memória e instruções inspiradas em C/C++ e Java.
  • Herança e membros de classe
    Suporte a herança simples e membros possíveis em classes.
  • Atributos e outros recursos
    Atributos, namespaces, assemblies e versionamento.

Novidades da linguagem C# 2.0

  • Generics e Iterators
  • Tipos parciais e tipos anuláveis
  • Métodos anônimos e qualificador de apelidos de namespace
  • Classes estáticas e possibilidade de definir diferentes níveis de acesso nos métodos de leitura e escrita de uma propriedade

Novidades da linguagem C# 3.0

  • Tipos implícitos em variáveis locais
  • Métodos de extensão
  • Tipos anônimos
  • Iniciadores de objetos
  • Iniciadores de coleções
  • Métodos parciais
  • Propriedades automáticas
  • Expressões lambda
  • Árvores de expressão
  • Expressões de consulta
  • LINQ (Language INtegrated Query)

Novidades da linguagem C# 4

  • Parâmetros opcionais e nomeados
  • Interoperabilidade com COM
  • Objetos com tipagem dinâmica
  • Covariância e contravariância

Novidades da linguagem C# 5

  • Task-based Asynchronous Pattern (TAP)
  • Versão assíncrona via TAP
  • Funções assíncronas
  • Windows Runtime
  • async e await

Projeto Roslyn (C# 6?)

  • Compiler-as-a-Service (CaaS)
  • APIs para o CaaS

Resumo

A evolução da linguagem C#

  • C# 1.0 em fevereiro de 2002 (.NET Framework 1.0 / Visual Studio .NET)
  • C# 2.0 em novembro de 2005 (.NET Framework 2.0 / Visual Studio 2005)
  • C# 3.0 em novembro de 2007 (.NET Framework 3.5 / Visual Studio 2008)
  • C# 4 em abril de 2010 (.NET Framework 4 / Visual Studio 2010)
  • C# 5 em 2012 (.NET Framework 4.5 / Visual Studio 11)
    • Suporte ao Windows Runtime
    • Facilidade na programação assíncrona
  • Projeto Roslyn
    • Compiler-as-a-Service (CaaS)
    • Visual Studio Roslyn CTP
      • Previsão: meados de outubro/2011

Slides da apresentação

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s