.NET Framework, C#, Microsoft, TDC, WPF

The Developer’s Conference (TDC) 2013 – Florianópolis: Programação assíncrona com C# 5 e .NET Framework 4.5 (Stadium)

the-developers-conferencetdc-florianopolis

O evento The Developer’s Conference (TDC) 2013 – Florianópolis

O evento The Developer’s Conference (TDC) reúne várias trilhas que abordarão as tendências do mercado em temas como Android, Windows Phone, iOS, Java, Python, Testes, Cloud computing, Games, Robótica, entre várias outras. Em 2013, a edição de Florianópolis foi realizada no Oceania Convention Center, de 24 a 26 de maio de 2013.

Trilha .NET

A trilha .NET foi muito bem coordenada pelos MVPs da Microsoft Renato Haddad e André Carlucci. O objetivo da trilha foi explorar recursos da plataforma .NET.

Minha palestra: Programação assíncrona com C# 5 e .NET Framework 4.5 (Stadium)

Eu apresentei a minha palestra sobre programação assíncrona com C# 5.0 no dia 25 de maio de 2013, das 15h40 às 16h30. A palestra foi apresentada no auditório Stadium e foi gravada para ser disponibilizada depois.

Infelizmente, eu tive problema para duplicar a imagem do meu novo notebook, um Lenovo ThinkPad W530, no projetor. O notebook estava estendendo a imagem e eu iria fazer uma demonstração no Visual Studio 2012 do zero.  Sendo assim, o André Carlucci me emprestou o notebook dele para não atrasarmos mais a palestra. Porém, eu tive muita dificuldade para codificar devido à diferença dos teclados dos notebooks e porque a configuração do  teclado estava United States International com o teclado ABNT. Tive dificuldades para digitar e acabei não conseguindo fazer todas as demonstrações planejadas.

Seguem os slides da apresentação:

Código da demonstração

A demonstração teve como objetivo mostrar a criação de uma biblioteca de classes (class library) de Matemática para cálculos relacionados com análise combinatória. Há a criação de uma classe estática AnaliseCombinatoria com um método síncrono Fatorial. Depois, foram incluídas versões assíncronas deste método, com o nome FatorialAsync, incluindo suporte para cancelamento e notificação de progresso. Depois, foi criada uma aplicação WPF (Windows Presentation Foundation) para consumir a biblioteca de classes de análise combinatória.

Projeto DemoAsync.

Educar Educador

Educar Educador 2013 – O Tablet Chega a Sala de Aula. “Planejamento, Equipe Técnica e Preparação de Professores, Por Onde Seguir?”

Educar Educador 2013

O que é o Educar Educador 2013?

De 22 a 25 de maio de 2013 ocorreu, no Centro de Exposições Imigrantes em São Paulo, a 20ª edição da Educar Educador, o maior evento educacional da América Latina.

A organizadora do evento (Futuro Eventos) ofereceu uma estrutura ainda mais completa para o evento no ano de 2013: uma área de 6.600m² para Feira, na qual 1.500m² estiveram reservados para expositores internacionais, e 10 auditórios simultâneos exclusivos para os congressos. O evento também contou com a promoção da Worlddidac e com a chancela da Virtual Educa, importantes instituições internacionais, consideradas como referência no segmento educacional.

Educação 3.0. A Escola do Futuro chegou?

educacao_3.0_escola-do-futuro

Foi com este tema que este importante evento educacional ajudou a debater sobre a qualidade a Educação do nosso país, através de seis encontros simultâneos:

  • 20ª EDUCAR – Feira Internacional de Produtos e Serviços para Educação
  • 20º EDUCADOR – Congresso Internacional de Educação
  • 10º AVALIAR –  Congresso Internacional de sobre Avaliação na Educação
  • 9º EDUCADOR MANAGEMENT – Seminário Internacional de Gestão em Educação
  • 8º INFÂNCIA & CIA – Congresso Internacional de Educação Infantil e Séries Iniciais
  • 3º EDUCATEC – Fórum Virtual Educa de Tecnologia e Inovação em Educação
  • 2º PROFITEC – Congresso Internacional sobre Educação Profissional e Tecnológica

Minha participação no evento

educar-educador-2013-cracha-palestrante

Eu fui convidado pela Futuro Eventos para participar da mesa de debates 95O Tablet Chega a Sala de Aula. “Planejamento, Equipe Técnica e Preparação de Professores, Por Onde Seguir?”, que também contou com as participações de:

  • José Armando Valente
    Mestre e Doutor pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT). Professor do Departamento de Multimeios, Mídia e Comunicação, Instituto de Artes, e Pesquisador do Núcleo de Informática Aplicada à Educação (NIED) da Unicamp. Professor Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Educação: Currículo da PUC-SP.
  • Adriana Beatriz Gandin
    Pedagoga, Especialista em Gestão de Pessoas, com ênfase em comunicação interna. Autora de dois livros sobre Projetos na Escola e de diversos artigos com temas ligados à educação e ao uso da tecnologia na educação. Atua na área de educação desde 1988, principalmente em escolas da rede privada de ensino. Desde 1997 dedica-se à formação de professores e ao estudo sistemático do trabalho com projetos e ministra assessorias, oficinas e palestras sobre este e outros temas ligados à educação e ao uso da tecnologia na educação. Atua, também, como gestora de mídias sociais. Trabalha como assessora educacional na Rede La Salle de Educação e como diretora pedagógica no projeto iPad na sala de aula, ligado à EADes envolvimento humano Ltda.
  • Moisés Zylbersztajn
    Pedagogo pela FEUSP, especializado em aplicações de tecnologia na educação. Atua como coordenador de tecnologias e bibliotecas do Colégio Santa Cruz. Atua também como consultor da direção dos colégios BeitYaacov e Pentágono, orientando-os nas decisões relativas as TICS. Atuou como WebMaster da Fundação Victor Civita ( 1994), como Gerente de Software e Treinamento da Positivo Informática (1994-1998), como Gerente de E-learning da Thomson IOB ( 2001-2006), como autor de objetos digitais de matemática na Editora Moderna ( 2009-2010), entre outros projetos. Tem como competências essenciais a produção de estratégias de trabalho em sala de aula a partir de conteúdo digital, a mobilização de professores para o uso eficiente de conteúdo digital e a adaptação de material impresso para as mídias digitais.

Na mesa de debates, eu tive a oportunidade de compartilhar com o público, que lotou a sala da mesa de debates, a minha experiência como responsável técnico pela implantação de tablets numa grande escola particular de Brasília-DF. Eu também defendi a democratização do uso de tablets com a adoção de múltiplas plataformas, como: iOS (iPad), Android e Windows 8, dentre outras opções que forem se popularizando no mercado de dispositivos móveis.

Mensagem da organização sobre o sucesso do evento

Sucesso do evento